Chocada: Adele, não desapareças, sim!?

Chocada: Adele, não desapareças, sim!?

 

PAROU TUDO!

“Hello”, Adele, o que é que te aconteceu?

(Apanharam o trocadilho?)

Alguém levou o mote “ano novo, vida nova” muito a sério e essa pessoa é a Adele.

A Internet e os grupos de Whatsaap enlouqueceram quando começaram a surgir em catadupa imagens com a nova “figurinha” de Adele.

O que é que se passou?

 

Chocada: Adele, não desapareças, sim!?

 

A famosa cantora inglesa, conhecida pela sua voz de rouxinol poderoso, afinação irrepreensível e curvas generosas, decidiu mudar de vida e de corpo.

As transformações corporais da intérprete já lhe eram conhecidas. Ao longo destes anos de exposição mediática foram muitas as flutuações de peso.

 

Chocada: Adele, não desapareças, sim!?

 

Porém, dizem as más línguas que, depois do conturbado rompimento com o antigo companheiro a coisa descambou GERAU.

A gente já sabe, migã-Adele, quando há um chuto no coração há uma bordoada no estômago. Nada melhor para a silhueta do que um divórcio ou uma separação. Este slogan devia estar à porta dos ginásios.

Bem dito e bem feito.

O desamor de Adele valeu-lhe um volte face na balança e uma renovação do guarda-roupa.

 

Temos alguma coisa que ver com isso?

Não, não temos. O corpitxo é (A)dela e só a moçoila é que sabe da sua vida, mas que queremos, TODAS as migas, saber o que é que ela anda a fazer, QUEREMOS.

Cogumelo do tempo? Onicomicose? Dieta do metabolismo? Detox? Paleo?

O que é certo é que, em muito pouco tempo, a cantora perdeu 45 kg.

Já podem fechar a boca… (ela, pelo menos, já o fez!)

 

Chocada: Adele, não desapareças, sim!?

Chocada: Adele, não desapareças, sim!?

 

Só sei é que se a encontrasse na rua acho que nem a conhecia.

Alimenta-te, filha. Há mais homens que marés e mais peixe que jejum.

Toma cuidado, ca’gente gosta muito de te ouvir!

Seguir:
Marta Neves
Marta Neves

Encontrei no universo feminino a minha missão: partilhar, aprender e ajudar. Nasceu o Marta Neves, para me sentir mais eu, mais em sintonia com a minha essência. Despida de formalismos ou preconceitos, serei EU. A mulher. Apaixonada de coração pela vida e pelos outros.

Share:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.