Dia da Criança: MasterChef Junior, a minha nova crush televisiva

Dia da Criança: MasterChef Junior, a minha nova crush televisiva

Dia da Criança: MasterChef Junior, a minha nova crush televisiva

No Dia Mundial da Criança decidi fazer uma homenagem ao programa português, adaptação do formato internacional de sucesso – MasterChef Junor – que conquistou o meu coração.

Confesso que não tinha visto a estreia no domingo, mas como estava nos Algarves com os meus papis, numa casa com apenas canais generalistas, arriscámos ver a repetição do programa no sábado pós-almoço, para desmoer do repasto. 

E que maravilha!!!!!! Cinco minutos depois de ter começado já estávamos às gargalhadas, já nos tínhamos apaixonado por uns 2 ou 3 miúdos que se destacaram logo e não conseguíamos desviar o olhar do ecrã. 

Que programa tãooooooo bem feito. Está cheio de ritmo. As entrevistas aos miúdos estão muito bem feitas. A edição está on fleek, cheia de ritmo. E o casting está do melhor. Do melhor!!! Não é por conhecer a equipa, as caras e a criatividade de quem está por trás do formato que faço o elogio, é a mais pura das verdades e a minha convicção mais sincera – este programa vai deslumbrar tudo e todos. 

E depois que chapada, de luva branca! Estes mini-chefs arrasam mesmo. Como é que eles aprenderam a fazer tudo aquilo? Como?! Por mim já podem ir lá a casa brincar e cozinhar. Estão todos contratados. 

Mas a melhor parte do programa, para mim, é mesmo a linguagem. Adoro que os miúdos não sejam infantilizados. Que os comentários sejam sempre muito justos, directos, mas com uma sensibilidade gigante. Muitos parabéns e sucesso para o programa! Está demais! Ganharam uma fã e uma espectadora assídua aos domingos à noite. 

Que ganhe o melhor e feliz Dia da Criança. Que aqueles pequenos, grandes gigantes dos tachos e das panelas nos façam sonhar ainda mais. 

E vocês? Que acharam?! Quem acham que vai ganhar?! 
Eu já tenho um palpite…

Dia da Criança: MasterChef Junior, a minha nova crush televisiva

Seguir:
Marta Neves
Marta Neves

Encontrei no universo feminino a minha missão: partilhar, aprender e ajudar. Nasceu o Marta Neves, para me sentir mais eu, mais em sintonia com a minha essência. Despida de formalismos ou preconceitos, serei EU. A mulher. Apaixonada de coração pela vida e pelos outros.

Share:

2 Comments

  1. Junho, 2016 / 11:48 pm

    Completamente de acordo!
    Tive exatamente a mesma "sensação" de alegria e gargalhada aquando do primeiro episódio que decidi ver "só porque sim"…. Nunca um "só porque sim televisivo foi tão divertido!
    Vai ser um sucesso!

    • Junho, 2016 / 3:35 pm

      Opah!! A sério?!?!?! Que bom! Que bom!! Tive exactamente a mesma reacção! #tamujuntasnodomingo
      HAVE FUN!!! ROCK ON!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.