Idiossincrasias paradigmáticas do ser: Parte II

Ora bem… esta é me muitoooo característica. Eu devo ser a pessoa que mais desculpas pede à face da terra. Por tudo e por nada peço desculpa. Chega a ser ridículo. Até se me aleijo, peço desculpa a quem me aleijou.
É triste demais, porque vai para além da educação e bom senso. É mania?! É maluquice! E cheguei a essa conclusão quando HOJE pedi desculpas a um manequim numa loja… Oi? ainda estão ai?! Não abandonaram este blog para sempre?
Sim, é verdade… eu choquei contra um manequim, sejamos precisos, UM BONECO, e pedi-lhe desculpas.
Acho que é isto.

Peace out!

Seguir:
Marta Neves
Marta Neves

Encontrei no universo feminino a minha missão: partilhar, aprender e ajudar. Nasceu o Marta Neves, para me sentir mais eu, mais em sintonia com a minha essência. Despida de formalismos ou preconceitos, serei EU. A mulher. Apaixonada de coração pela vida e pelos outros.

Share:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.