Crónica “InShape”: WTF é o abdominal vaccumming?! Moda ou maluquice?

Crónica “InShape”: WTF é o abdominal vaccumming?! Moda ou maluquice?
Crónica "InShape": WTF é o abdominal vaccumming?! Moda ou maluquice?

Digam-me que não fui a única pessoa a olhar para este título com um grande ponto de interrogação na minha cabeça. Pleaseeee!!!

Faz parte da minha personalidade e profissão estar sempre actualizada, bem informada e muito curiosa sobre as novas tendências de moda, cultura, lifestyle, saúde, bem-estar e fitness. Vai daí, comecei a reparar em imensos artigos internacionais, de algumas publicações de referência, que falavam neste novo “método” de “aspiração abdominal” (esta é uma tradução minha do conceito) para se conseguir aquele efeito de barriga-de-lavar-roupa que tanto desejamos.

Crónica "InShape": WTF é o abdominal vaccumming?! Moda ou maluquice?

Fui então tentar perceber um bocadinho melhor esta nova fitness-trend que está a gerar mais buzz do que a última sélfie da Kim Kardashian. Normalmente, eu torço sempre o nariz a estas grandes promessas, a estes grandes chavões comerciais que prometem em pouco tempo e de forma quase milagrosa, resultados pelos quais andamos a chorar há 3 anos. Na sua maioria são sempre dietas de 30 dias que nos baixam dois números de calças. Um creme altamente-mega-potente que acaba com a celulite. Um série de exercícios que nos vão fazer parecer a Gabriela Pugliesi em 15 dias. Dizem os entendidos na matéria, que o grande buzz está no “stomach vaccuming”, que é um exercício que supostamente ajuda a alisar a barriga e confere uma aparência mais magra à parede abdominal. Vocês não me estão a ver, mas eu estou a torcer o nariz…

Assim pela força dos nervos, este método não é mais do que uma sequência de exercícios em que os praticantes encolhem e estendem a barriga em várias posições – estilo, kamasutra-abdominal. Neste vídeo ilustrativo, Kristen Wojciechowski (ganda’maluca) — uma bailarina e personal trainer— demonstra como se deve fazer este tipo de exercícios. Let’s look at the trailer:

Mas isto vai-nos dar uma super-flat-barriga?

Estamos todos a pensar no mesmo, não é? Será que este, aparente milagroso e estranho, exercício faz efectivamente alguma coisa de bom? Os especialistas estão divididos. Alguns treinadores, como Mark Crabtree, C:S:C:S, acreditam que esta é uma forma menos eficaz dos tradicionais exercícios de core e tonificação. Trocando por miúdos, o que este profissional diz é que se os nossos objectivos são conseguir uma visível e bem definida secção abdominal, então este método NÃO deve constar do nosso treino. Pumbas! “Por si só, este exercício não produz estímulo suficiente para queimar calorias, fazer desaparecer gordura ou formar músculos”, afirma Crabtree.

Crónica "InShape": WTF é o abdominal vaccumming?! Moda ou maluquice?

Outros tantos acreditam que há uma razão plausível por detrás deste excitamento todo em torno da “aspiração” porque – RESULTA.
“A aspiração abdominal pode perfeitamente tonificar o estômago porque incide sobre os abdominais transversos, um músculo interno da parede abdominal, que pelos exercícios normais de core são muito difíceis de trabalhar”, esclarece a dietista Brigitte Zeitlin, R.D. Contudo, apesar de Zeitlin achar que este tipo de exercício pode ser benéfico, ela afirma que este método não é essencial para se conseguir uma barriga-chapada. No limite, afirma, temos sempre que combinar estes ou quaisquer outros exercícios com uma alimentação correcta e um treino adequado aos nossos objectivos.

Crónica "InShape": WTF é o abdominal vaccumming?! Moda ou maluquice?

Então, vale ou não vale a pena fazer isto?

Esqueçam amigos! Dizem-nos os artigos em questão que apesar de não nos dar a barriga traçada ou a instantânea postura de bailarina, a aspiração abdominal pode ser um bom exercício para aprendermos a respirar correctamente durante a nossa actividade física. Sabemos que, na maioria das vezes, estamos em constante apneia a tentar fazer o máximo de exercícios, o máximo de repetições, com a máxima intensidade, no menor tempo possível e a respiração fica, muitas vezes, comprometida no processo. Portanto, deveremos olhar para este nova técnica como um bónus e não como um processo milagroso. Ok?

Crónica "InShape": WTF é o abdominal vaccumming?! Moda ou maluquice?

Como é que conseguimos realmente ter uma barriga-chapada?!

Independentemente de considerarem aderir a esta moda ou não, tanto os especialistas como eu (na minha humilde opinião), acreditamos que podem aspirar à vontade o estômago que se não existir um plano de treinos forte e uma alimentação supimpa-para-lá-de-Bagdad não há Vaporeto Titano que nos valha. O primeiro passo para termos uma barriga lisinha e sequinha é empanturrarmo-nos de alimentos que ajudem a nossa digestão, para nos livrarmos daqueles inchaços extra, que dispensamos totalmente. Abusem nos espinafres ou outros vegetais com folha verde escura (eles são altamente ricos em fibra). Iogurte grego também é, aqui, aconselhado (porque dá ao organismo uma boa dose de probióticos saudáveis) e uma mão cheia de grãos (bons) bastante saciadores, como arroz integral, aveia, quinoa, etc. Assim, com uma dieta-kick-ass e uma rotina de abdominais de qualidade a nossa barriga não vai precisar de grandes aspirações.

Crónica "InShape": WTF é o abdominal vaccumming?! Moda ou maluquice?

Era bom, não era?! Mas NÃOOOOOOOOOOO! Voltem lá para os exercícios que não há coisas milagrosas.

Utilizem o aspirador para outras coisas lá de casa. No corpitxo, só blood, sweat and tears… infelizmente!

Seguir:
Marta Neves
Marta Neves

Encontrei no universo feminino a minha missão: partilhar, aprender e ajudar. Nasceu o Marta Neves, para me sentir mais eu, mais em sintonia com a minha essência. Despida de formalismos ou preconceitos, serei EU. A mulher. Apaixonada de coração pela vida e pelos outros.

Share:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.