Usher-ze-me-aqui: uma sexy perfomance nos Grammy

Usher-ze-me-aqui: uma sexy perfomance nos Grammy

Ora bem, está instalada a confusão, a dúvida e a multidão divide-se.

Porquê?

Porque os fãs de Prince ficaram sem saber se adoraram ou odiaram a performance de Usher, nos Grammy Awards 2020, em tributo à lenda de “Purple Rain”.

Facto:

Penso que (à Ronalde) não há ninguém, do sexo masculino e feminino que aprecie dance moves e sexyness on the dance floor, que se oponha à escolha artística do cantor de R&B neste medley-tributo em versão bolero cintilante, muito menos à qualidade da sua performance.

Nãoooooooooooooo!!! Ninguém se opõe, amigo Usher!

Aliás, até convido os leitores a recordar este belo momento…

 

 

Divisão das águas

Agora, claro, como em tudo na vida e nas redes sociais em particular e no Twitter quase todo-o-santo-dia, o que sai da norma ou do expectável, que possa melindrar as pequenas almas internaúticas, exalta a indignação.

Pois que, uns odiaram a atuação do Usher, dizendo coisas como:

 

Usher-ze-me-aqui: uma sexy perfomance nos Grammy Usher-ze-me-aqui: uma sexy perfomance nos Grammy Usher-ze-me-aqui: uma sexy perfomance nos Grammy

 

E outros houve que quase lhe ergueram um busto à porta do Coliseu-lá-do-sítio.

Usher-ze-me-aqui: uma sexy perfomance nos Grammy Usher-ze-me-aqui: uma sexy perfomance nos Grammy

 

E a mim só me apraz dizer o seguinte: quem é que no seu perfeito juízo é que se lembra de criticar o que quer que seja depois de ver aqueles “abs” do Usher a ziguezaguear nas nossas trombas, o bolero brilhoso quase a cair, quem é que tem alguma coisa contra aquele momento de explosão de vida e cor em passos de dança? Quem!?

Houve pool’dance? Houve! E quê!? Foi bonito, foi elegante, foi “artistique”!

 

Isto é gente que não merece ter acesso ao Youtube, nem a canais por cabo. Gente que de contente lhes dói um dente.

Olhem, é caso para dizer que, aqui, as “Doves” não choraram, Migas, bateram asas!!!!

#voacomigoUsher

Seguir:
Marta Neves
Marta Neves

Encontrei no universo feminino a minha missão: partilhar, aprender e ajudar. Nasceu o Marta Neves, para me sentir mais eu, mais em sintonia com a minha essência. Despida de formalismos ou preconceitos, serei EU. A mulher. Apaixonada de coração pela vida e pelos outros.

Share:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.